Vale a pena se hospedar em um hotel da Disney?

O Walt Disney World Resort conta com mais de 20 hotéis; divididos em diferentes faixas de preço

Ficar hospedado em um hotel da Disney, ou não ficar hospedado em um hotel da Disney? Essa é uma das muitas perguntas que os viajantes se fazem na hora de planejar uma ida a Orlando. Como sempre dizemos por aqui, não existe uma resposta absoluta e definitiva, que vá servir para todo mundo: só você pode pesar os prós e os contras, decidir quais são as suas prioridades (e o seu orçamento!) e, com isso em mente, bater o martelo a respeito de onde se hospedar durante os dias em que estiver passeando pelo Walt Disney World (e, claro, pelos outros parques e atrações de Orlando).

Quais são as vantagens de se hospedar em um hotel da Disney em Orlando?

Isso inclui, é claro, decidir em qual hotel da Disney você quer se hospedar, se for o caso – sim, porque a empresa oferece mais de vinte opções aos seus hóspedes! A grande maioria deles é administrada pela própria Disney; alguns poucos pertencem a empresas terceirizadas – mas todos ficam “dentro” da Disney; nas áreas próximas ao Magic Kingdom, Epcot, Hollywood Studios, Animal Kingdom e Disney Springs. Também fizemos um post em que você pode saber mais sobre os principais deles, e descobrir o que pode encontrar em cada um.

Que tal aprender um pouco mais sobre os hotéis da Disney em Orlando, e, com isso em mente, tomar a decisão mais acertada para você? 😉 Vamos começar pelo começo:

Quais são as vantagens de se hospedar em um hotel da Disney?

A Disney mima bastante todos os seus guests – mas quem se hospeda nos hotéis da companhia ganha algumas mordomias adicionais.

FastPass+ antecipado: Todo mundo que compra ingressos para visitar os parques da Disney tem direito ao FastPass+, uma maneira de selecionar até três atrações ou shows por dia de visita para “furar fila”: no horário escolhido, você pega uma fila muito menor, otimiza seu tempo e agiliza seu roteiro! Essa reserva é feita 30 dias antes da data da viagem – mas quem se hospeda nos hotéis da Disney pode fazer a reserva 60 dias antes. Ou seja: mais chances de garantir o FastPass+ justamente para as atrações mais concorridas.

Ah! Os hóspedes também conhecem reservar refeições em restaurantes dos parques (e até mesmo dos outros resorts!) com um pouco mais de antecedência: oficialmente, a reserva pode ser feita 180 dias antes da data desejada; mas quem se hospeda nos hotéis pode reservar com 180 dias de antecedência, e, a partir desse momento, tem os primeiros dez dias de hospedagem na Disney também liberados – na prática, são 190 dias de antecedência. Parece pouca diferença, mas pode ser exatamente o que você precisa para garantir lugar naquele restaurante mega concorrido!

Extra Magic Hours: Todos os dias, pelo menos um dos quatro parques temáticos da Disney fica aberto algumas horas a mais apenas para os hóspedes dos hotéis! As “horas mágicas extra” podem acontecer bem cedinho de manhã, antes de o parque abrir oficialmente para todo mundo; ou à noite, depois do horário em que o parque normalmente fecharia. Nem todas as atrações ficam abertas nesse horário extra; mas as mais populares e movimentadas, claro, estão sempre garantidas. As Extra Magic Hours da manhã costumam ser melhores para quem quer aproveitar o benefício para fugir das filas – as da noite podem ser bastante movimentadas; mas, independente disso, não é nada mal ter um tempinho a mais para aproveitar o passeio, né? Sempre confira quando e onde serão as Extra Magic Hours durante a sua visita – alguns hóspedes perdem esse benefício por nem saber que ele existe!

Qual é o seu perfil de viajante Orlando/Disney? Photo by Amy Humphries on Unsplash

MagicBands: As MagicBands são aquelas famosas pulseiras coloridas com a carinha do Mickey desenhada. Além de serem uma ótima lembrança da viagem, elas servem para fazer de tudo: entrar nos parques (você escaneia o bracelete na entrada, em vez de um cartão ou ingresso convencional), abrir a porta do seu quarto de hotel (no lugar de uma chave), conectar as fotos do PhotoPass (as registradas nas atrações ou pelos fotógrafos oficiais dos parques) à sua conta, usar seus FastPass+, e até debitar compras de produtos e alimentos. É possível comprar as MagicBands nos parques e lojas da Disney, em dezenas de modelos, cores e temas, e linkar a pulseira ao seu ingresso – mas quem é hóspede dos hotéis já ganha uma de cortesia! Ela é personalizável com seu nome, e vem em sete cores diferentes, à escolha do guest.

Compras: Os hóspedes dos resorts da Disney podem solicitar que todas as compras feitas nos parques durante o dia sejam entregues na loja do hotel, e retirá-las quando voltar para lá à noite. Nada de passar o dia todo carregando sacolas!

Transporte: Quem se hospeda nos hotéis da Disney não precisa se preocupar com transporte para visitar os parques – aliás, ao chegar no Aeroporto Internacional de Orlando, você já pode pegar, sem custo, o Disney’s Magical Express, um ônibus que leva os guests direto para seus resorts! A entrega de bagagens também está inclusa. Entre as diferentes localidades do Walt Disney World Resort, os hóspedes contam com transporte gratuito de ônibus, balsa, barcos, e o famoso Monorail – além da novidade Disney Skyliner, um teleférico que conecta o Epcot e o Hollywood Studios a alguns dos hotéis. Ah! Os hóspedes que estiverem de carro pode estacionar gratuitamente nos parques temáticos, parques aquáticos e Disney Springs (embora pague uma taxa diária para deixar o carro estacionado no hotel).

Disney Dining Plan: É um plano em que o guest pode adquirir “créditos” para gastar em alimentos nos parques da Disney. É interessante ficar de olho: de vez em quando, dependendo da época do ano, a Disney oferece o DDP de graça para quem se hospeda nos hotéis do complexo!

Disney Dining Plan

Recreação infantil: A maioria dos hotéis da Disney oferece diversas atividades de recreação aos hóspedes, o que pode ser ótimo para famílias que viajam com crianças.

E quais são as desvantagens?

Eu sinceramente não consigo ver nenhuma desvantagem em se hospedar em um hotel da Disney – mesmo porque, além de ganhar todas as mordomias explicadas acima, você garante que vai ficar imerso na magia Disney 24 horas por dia, mesmo depois que o passeio nos parques terminar (o que, na minha opinião, é o principal atrativo dos resorts!). Algumas pessoas reclamam da localização; já que, quando viaja a Orlando, a grande maioria das pessoas visita outros lugares e atrações além dos parques da Disney – e, de fato, os resorts podem ficar longe de outros pontos muito legais em Orlando, e até mesmo dos parques da Universal, por exemplo.

Mas acho que o principal impeditivo para a maioria das pessoas é mesmo o dinheiro: mesmo os hotéis mais econômicos da Disney têm diárias mais altas que a de grande parte dos outros hotéis de Orlando (isso sem contar opções como aluguel de casa e Airbnb, que podem ser super em conta para quem viaja em grupos grandes!). Porém, se couber no seu orçamento – e você não preferir usar esse dinheiro com outro passeios ou comodidades (ou até economizar em cada dia para fazer uma viagem mais longa!) -, eu recomendo bastante.

Preciso estar hospedado para visitar os hotéis da Disney?

A resposta pode surpreender você – mas, na verdade, não precisa! Para visitar um resort, é só falar com os seguranças na entrada e explicar sua intenção. Você pode até deixar seu carro estacionado dentro do hotel durante a visita, por até três horas, caso as vagas de visitante estejam disponíveis! (gente, não custa dar um toque: só use a vaga enquanto estiver visitando o hotel, viu? nada de deixar o carro lá e sair para passear em outro lugar!) Ou você pode simplesmente pegar um ônibus no Disney Springs e desembarcar no hotel que pretende visitar.

Claro, você não vai poder fazer de tudo: o acesso às piscinas, por exemplo, é terminantemente proibido. Mas você pode passear, tirar fotos, visitar as lojinhas, os restaurantes… Afinal, os resorts da Disney são atrações por si só – alguns parecem verdadeiros “parques temáticos extra”! Neste post explicamos melhor o que há para fazer em alguns deles – nele você pode entender melhor por que visitar os hotéis, mesmo sem ser hóspede, pode ser uma opção divertidíssima de passeio. 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.